Lavras da Palavra

Gravura: Affirmation for 2010 by Yoko Ono

(Dedicado ao Poeta e Diretor de Teatro Paulo DePaula)

Escassos pêlos pubianos
navegam acorrentados a mirantes sem catamênios
que nem prisioneiros em barrancos metafísicos
sob noites curtas (sem) de sexo.

Ai! Esses mesmos pêlos-martelos
são os ditos que atraiçoam os nutritivos espermas
ornados com vidros baços,
moldes de branda luz
e ossos de finas rendas.

Por eles
O barco dos loucos navega na masturbação do olhar
e regurgita a ácida argúcia
de sempre acreditar
que a poesia de mim brilha mais
que a desnudada luz.

(Devoro a orquídea mas douro o cais
e de quando em vez deito o tesão
sobre o tecimento da lonjura...)

Ai! Respingamentos de tímidas poesias
são mais desprezáveis que os sangues da liberdade
posto que jamais se estancam em modelar poema nú
como estacam-se de brusco,
e cada mágoa pontiaguda fica imersa num cismar
onde os casacos da solidão e do frio estacam perante
o segredo de desacreditar que o céu
opera nas imundícies e nas sádicas palavras do desejo,
esse, porque mal gerado.

Palmo e palmo o destino a pino
que tece (poeticamente) o corrimento da gala
  mas gala que é gala se esgueira à maneira de urrar
depois palmo a palmo desdouro o orvalho cheio de limo,
e então a vida é lá fora,
vai escorrendo (caninamente) livre nas gretas
e espadas da fala, mas com certeza lá fora...

Vai escorrendo, leve e solta,
ao som de blues da picareta,
neste inverno, de nevoeiro musculoso,
onde o que se olha é uma gravidez de nada:
derradeiros cozimentos, musgos,
rosas galadas,
angústias que nunca se calam.

© Benny Franklin

Santa Maria de Belém do Grão Pará

7 Response to "Lavras da Palavra"

  1. Sempre surpreendo-me com o poder inesgotável das palavras quando isentas de transitoriedade e de "ISMOS".
    Quando polissêmicas não se estancam na visão monocromática da vida.

    Belos versos!
    Tácito

    LiLa BoNi says:

    Parabéns...vc como sempre ... maravilhoso!!!!
    Mil beijos ! Saudade !!!!

    CCF says:

    Parabéns amigo Benny!
    Sua vitória é também a vitória de todos os poetas que admiram o seu trabalho.
    A Casa do Poeta Brasileiro de Praia Grande-SP e eu, o saudamos.
    CCF

    Olá Benny

    Parabens sempre com poesia fantastica que nos deixa a pensar.

    Parabens abraço

    Te envio um abraço e te agradeço por dedicar a mim Lavras de Palavra. Fiquei sem palavras, daí a falta de uma resposta imediata. Precisava ler, re-ler, e percorrer seu blog - inclulsive conhecer alguns blogueiros poetas/ colegas - e agora sim, dizer que sua garimpagem é um trabalho de grande efeito e resultado. No caso desse poema, em particular, e por ter sido dedicado a mim, achei mais que interessante que fosse ilusttrado por Affirmation for 2010, de Yoko Ono. Em Ohhio vi uma exposição de varios artistas,e a colaboração dela era a reprocução do céu de Columbus, numa tv na Galeria. Lembrei-me de Artaud, " As imagens são repletas de som. Elas também falam.".
    Muito me alegra ver seu labor tão bem exposto. O Blog é muito agradável em seu visual, e quanto à leitura "fiquei que nemi prisioneiro " e tentando penetrar seus versos tão bem lavrados, e que exalam algo do seu profundo conheciminno, a cada verso.

    Obrigado pelo blog, obrigado por Lavras Palavras e a dedicatótiaa que que me enche de gala!

    Com a admiração do,
    Tio Paulo

    Quanto ao nome da cidade onde vi a exposição onde figurava o trabalho da Yoko, Benny. Foi em Cleveland, Ohio, e não Columbus..

    O tempo faz dessas coiss, mas esta exposição em Cleveland não é a mesma que D, Pedro II assistiu e pela primeira vez falou ao telefone... rsrsrs

    Sorry,
    Tio Paulo

    imoveis a venda

BENNY FRANKLIN

Poesias Verdes Fritas

Benny Franklin. Tecnologia do Blogger.
powered by Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme | Blogger Templates | Credit Card Offers